Posts filed under ‘Mobile’

O banco da sua vida no celular

O Banco Real lançou no final do ano o Real Celular Banking, uma solução de acesso a contarcb.jpg corrente através do aparelho celular. Diferentemente de outras iniciativas já tentadas no passado por vários bancos, não se trata de um site Wap e sim de um aplicativo residente no aparelho. Segundo Sandro Pucci, Coordenador das iniciativas de Mobile do banco, as vantagens são inúmeras. Primeiro, o custo para o cliente. Como as telas estão no aplicativo, só se paga pelo tráfego das informações. Além disso, a usabilidade é melhor, sendo mais fácil acessar e usar a ferramenta. Rafael Taqueda, também envolvido no projeto, a segurança é igual ou até maior do que o internet banking. Um dos desafios é garantir a compatibilidade com os diversos aparelhos e operadoras existentes no Brasil. Para isso, o banco contratou Mario Miguel, ex-Claro, que avaliou as diferentes tecnologias e desenhou a melhor forma de disponibilizar o aplicativo em cada aparelho. “O mercado é muito pulverizado. Foi uma vitória conseguir cobrir cerca de 40% da base de celulares do Brasil, treinar a equipe de suporte e montar conteúdo de apoio ao cliente, tudo no prazo exíguo que tínhamos”, diz Mario.

Agora que eu não vou na agência mesmo!

7, janeiro, 2008 at 5:15 pm 1 comentário

Alternativas para a inclusão digital

Segundo a Fundação Getúlio Vargas, o Brasil possui 40 milhões de computadores e, de acordo com o Ibope/Netratings, 18 milhões de pessoas acessam a internet de casa. Ou seja, a grande maioria da população brasileira não usa computadores, não navega na internet, não tem email e não faz compras online. Apesar dos esforços do governo para popularização dos PCs, incluindo datacentros e redução de impostos, está claro que a inclusão digital ainda tem um longo caminho pela frente. O mercado das pessoas conectadas está restrito à população de alta renda dos grandes centros.

Por outro lado, temos 105 milhões de usuários de aparelhos celulares (números de Junho/07 da Anatel), sendo que mais de 60% deles possuem renda inferior a R$500,00/mês (pesquisa da Vivo). A exemplo de outros países em desenvolvimento como a Índia, o celular é uma ótima oportunidade de se reduzir o gap de conhecimento tecnológico da população. Infelizmente, apenas 7% do que se gasta na conta de celular é relativo a dados. Um dos principais motivos é o custo. O megabyte trafegado pelo celular custa em torno de R$7,00 e um SMS sai por volta de US$0,15. Uma pesquisa da UIT analisou o custo do SMS em 186 países. O Brasil ficou em 151° lugar! Não por coincidência, na Venezuela, onde o SMS custa cerca de US$0,04, cada celular envia por mês 140 mensagens. Aqui, esse número não passa de 6. Uma ação para redução desses custos abriria as portas da internet para dezenas de milhões de brasileiros e, de quebra, tornaria acessível às empresas uma legião de consumidores.

Soluções de SMS-Business são um promissor gerador de negócios. Promoções via celular (Bolão do Faustão, Dá-dá-dá) já mostraram a eficiência desse canal. Bancos já começam a se mexer, criando serviços de mobile banking e mobile payments. O consumidor está aí, conectado o tempo todo, ainda sem saber direito o que fazer com todos os botões e funções de seu aparelho. Quem se habilita a ensiná-lo?

Se você gosta desse tipo de estatística, visite a página de índices do IDGNow. Boa parte do que está escrito aqui veio de lá.
Para saber mais sobre o mercado de telefonia celular, viste o Teleco e o UCel.

11, julho, 2007 at 10:29 pm 1 comentário


Cadê o texto que eu vi aquele dia?

junho 2017
S T Q Q S S D
« out    
 1234
567891011
12131415161718
19202122232425
2627282930  

Alguns links....

RSS Um pouco de tudo

  • Ocorreu um erro. É provável que o feed esteja indisponível. Tente mais tarde.

Feeds

Blog Stats

  • 36,551 hits